SEMPRE PROCURE

sábado, 25 de fevereiro de 2012

O AMOR DA UNIÃO


“Quando homem e mulher pela graça divina se encontram, Deus lhes molda uma graça especial. A graça de serem um único ser em personalidades diferentes. Sendo direcionados ao matrimônio. Onde a palavra divina se cumpre “deixaras pai e mãe para se tornar uma só carne...”. Fato do amor da união, amor que vem do coração divino próprio Deus. Ame sua companheira ame seu companheiro, de tamanha forma que se tornem inteiros cheios da graça do espírito santo santificador. Como mostrado por Maria nossa mãe que por um sim a graça veio sobre o mundo, assim então como no matrimônio pelo amor da união se diz aceito para formar família. Família um lugar sagrado onde o próprio Deus se faz morada. Ame sempre com clareza, diga com certeza te amo sou teu sou tua, pois o amor da união e mais que ternura. ”Albert Santana

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

CHORO SINGELO


“O que choras no coração? Quando a falta se entrega na totalidade ficamos em prantos, logo e ora de se calar, pois o pranto que se deteve e apenas lembrança. A lembrança de águas que se passaram, mas agora um ícone de fonte inimaginável esta diante de você. A fonte onde Deus fez morada onde ele reina. Agora não a mais pranto somente o dizer ‘ SOU FILHO DOS CÉUS LÁ EU QUERO SEMPRE ESTAR’. Um choro singelo às vezes e preciso para limpar partes de nossa alma que estão sujas.” Albert Santana 

OS OLHOS


“Olhares a minha volta, santificação em foco. Olhar mais longe que consigo faz a diferença quando tenho a palavra viva em minha vida. Lavar-me santificar ir a águas profundas onde meu coração possa clamar uma pureza de olhar singular. Os olhos podem nos santificar, mais se eu não olhar nos olhos de Deus de nada valera. Os olhos são o espelho da alma humana, uma particularidade nesse espelho o que reflete não e imagem e sim uma fala silenciosa. Os olhos refletem imagens de nossa própria alma, onde temos que aprender a nos arrumar para a vinda do cordeiro. “ Albert Santana